Mapas de APRS em BPQ32

Finalmente, depois de alguma persistência e diversos e-mails trocados com o colega Gerhard – F5VAG e, John Wiseman – G8BPQ, a página de APRS já tem os mapas de localização!

O APRS é cada vez uma ferramenta mais interessante, com muitas aplicações que vão além do geo-posicionamento… Estes mapas estão agora disponíveis a partir do link http://node.arlc.pt:9123/aprs/all.html, depois de seleccionada a estação a seguir…

Foram actualizadas algumas das funcionalidades desta estação de packet, com o upgrade do BPQ32, sendo agora possível enviar mensagens por packet e APRS com difusão imediata!

Recordo que o manual se encontra aqui – https://www.arlc.pt/…/…/2019/08/Manual-Packet-Radio-ARLC.pdf, embora ainda não referindo estas novas funcionalidades. A página web de entrada em packet é http://node.arlc.pt:9123

Quem não tem credenciais, utilize o seu indicativo com a password: arlcham
Uma pequena nota, o node de UHF encontra-se desligado, a partilhar a antena com o D-Star em fase de testes…

Quem disponha dos velhinhos TNC pode ligá-los e difundir um beacon, com algumas regras, assim como fazer digipeating de APRS. Se houver interesse deixem comentários!

Manual de Packet

Demos mais um impulso na estação de packet instalada na ARLC, algo que mesmo à 20 anos atrás nunca tinha experimentado – o envio de uma mensagem em packet radio para outro país, para outro continente! Está descrito no manual no tópico “5.11.4. Envio de uma mensagem da sua pBBS para outro colega WW”

Entretanto o Renato, pelo seu envolvimento no projecto do novo satélite português, que deve ser colocado em órbita já para o ano que vem, tem vindo a estudar e melhorar as comunicações a 9600 bauds entre a sua estação CS5CEP e a ARLC – CQ0PCV.

Adicionámos, como já disse num post anterior, o registo de estações em APRS na área de cobertura da estação de packet, por agora em 144,900MHz e 432,500MHz, estendido também a Cascais pelo Digi de CT1EBQ, para pedidos WIDE1-1, WIDE2-1.

Está em fase de projecto, a partilhar mais tarde, um modem em AX.25 com Raspeberry Pi totalmente independente e operacional que poderá trabalhar em 300, 1200 e 9600 bauds.
Irei dando notícias…
73, de CT1EBQ